Friday, December 15, 2006

Recordo bem um Natal passado em Coimbra, teria talvez quatro anos. Não entendia por que motivo minha priminha, mais velha que eu, ria pela minha ansiedade, enquanto nos faziam aguardar a meia-noite num quartinho. É claro que os barulhinhos que eu ouvia vindos da sala só podiam ser obra do Pai Natal.

Estou certa de que também os Correios portugueses recebem muitas cartas endereçadas à figura, que hoje já nem é São Nicolau, coitado, mas o barbudo com as cores convenientes da Coca-Cola.
E perantes tal enchente de cartas belíssimas e comoventes, fica aqui a iniciativa maravilhosa,
mesmo que este ano já seja um pouco tarde para encomendas transatlânticas.
Iniciativa a copiar descaradamente.

http://www.correios.com.br/institucional/conheca_correios/acoes_cidadania/papai_noel.cfm

2 comments:

quel said...

Eu vi outro dia a reportagem no telejornal. É bem bacana mesmo.

Carolina said...

Para alegrar a garotada!
É boa ideia!