Monday, October 09, 2006

tagged

Via Jo Ann



Pega no livro que se encontrar mais próximo de ti, vai até à página 18 e transcreve a quarta linha.
"Depois de perder propositadamente uma partida, reteve-o para outra." (A Incrível e Triste História da Cândida Eréndira e da sua Avó Desalmada, de Gabriel García Márquez)


Qual foi a última coisa que viste na televisão?
Notícias contam? Vejo mais coisas "gravadas", a última foi um episódio do Star Trek Voyager.

Sem verificar, que horas são?

20h30m

Confirma, são...

Wow! 20h33m (Quem me conhece sabe o motivo da minha surpresa...)

Além de ruído do computador, que escutas em teu redor?
Notícias... O Lula bla bla...

Que fizeste a última vez que saiste?
Fui jantar a um restaurante da Córsega. Os grelhados com molho de pimenta verde recomendam-se vivamente.


Que tens vestido neste momento?
Um vestido longo de malha em tons azuis.

Antes de responderes a este questionário, que estavas a ver?

O progresso da minha pirataria inócua e o correio electrónico.


Sonhaste esta noite?

Bastante. Com uma pessoa que não sei se continua viva. Veio ajudar-me, creio. espero que o tenha feito através do seu sonho, e não de outro local.

Quando riste pela última vez?

Ontem, ao ouvir uma gravação da Bandamecos, mais concretamente do Top do Miguelito. Sempre que ouço o Carlos Bastos a cantar choro de tanto rir. Aquilo não pode ser real. All that fado...

O que tens nas paredes da divisão em que te encontras?

Imagens emolduradas a preto e branco, uma de um porto de pesca para me lembrar de mim própria, a outra de gaivotas num areal e o mar revolto como fundo, uma composição de conchas feita por mim e... hum... ah, um quadro abstracto cheio de azul.

Viste algo estranho hoje?

Não separo muito o que vejo em sonhos do resto, logo, sim, bastante estranho. Além disso, a minha barriga.

Se ficasses multimilionária do dia para a noite, qual seria a primeira coisa que comprarias?

Incrível o tempo há que estou especada a olhar para esta pergunta, sem saber o que responder... Não estou certa de que isso seja negativo. Porra. Livrava pessoas que amo de alguns encargos; entrava numa livraria de minha eleição e saía de lá carregada sem culpas; abria casas de acolhimento e educativas em Angola.

Diz-nos algo que não saibamos.
As coisas que gostaria de escrever ficam guardadas para outros locais. Infelizmente tem de ser assim. Ah, francamente, Kanuthya, tens sempre de ser tão melodramática? está bem, pronto.Uma ou outra pessoa que lê isto já sabe, mas sou emetofóbica.

Se pudesses mudar algo no mundo além da culpabilidade e política, que mudarias?

Errr...culpabilidade? Algo me escapa. Para mudar tem de envolver política. Paz. Paz. Paz.


Qual o último filme que viste?
Hostage.

Que pensas deste questionário?

Tenho um fraquinho secreto e detestável por questionários...


Gostas de dançar?
Muito, mas só o faço em ambientes em que me sinta muito confortável. Quer dizer, pelo menos desde que deixei de consumir álcool.

George Bush ?
Eu disse que era emetofóbica...

Que nome darias a uma filha?
Clara.

E se fosse um rapaz?

Pedro.

Já pensaste em viver no estrangeiro?
Como é que uma pergunta tão simples pode ser retorcida por esta gaja...De certa forma, fui viver para o estrangeiro bem pequenina. Felizmente apaixonei-me por esse estrangeiro e ele tornou-se no lar possível. Já vivi fora sem pensar antes nisso, não houve tempo, como sucedeu também com a experiência actual. Mas nunca antes um estrangeiro me foi tão estrangeiro.

Que gostarias que Deus te dissesse à entrada do paraíso?

Vá lá, custou, mas valeu-te não te queixares muito. Agora segue em frente, estão ali os teus que vieram antes de ti, e não me esqueci do teu pedido, estão lá também os cachorros e toda a bicharada. Nada de moleza, porque daqui a algum tempo voltas. E não, não aceito subornos.


Que 4 pessoas poderão responder a este questionário nos seus blogs?

Ñão faço a menor... quem quiser.



4 comments:

Jo Ann said...

Adorei a parte do Bush!!! :D
Beijos!

quel said...

gostei de ler "porra" no seu blog. é bom ler palavrões bem escritos!
:-*

Effe said...

ma poi, nel rileggerti, il ritratto è fedele?
E' uno specchio?
Un sogno?
Un'ombra
(e di cosa, poi, hai paura)

Le domande attirano domande

kanuthya said...

jo ann a tua resposta também é boa ;)

quel na verdade, porra é uma palavra tão comum no Alentejo (cabrão ainda é mais, muito mais), que por vezes nos esquecemos que é um palavrão :)

effe saranno forse piccole ombre di me :) credo sia sempre così incompleto, ogni ritratto. Ma mi sembra bello comunque che le domande attirano domande :)