Wednesday, August 16, 2006

O pombo cumpriu o seu papel...


...mas a fotógrafa inepta não quis ligar o flash para não chamar ainda mais a atenção dos empregados. Não resultou, e o pombo foi expulso do café ao Príncipe Real na mesma.
Há quem lhes chame ratos alados. Não vou tão longe, o meu amor por animais de toda a espécie é conhecido ( os ratos podem ficar no campo, onde pertencem, felizes alimentando-se de grãos, escavando tocas e fugindo de bichezas maiores - sempre me parece um destino bem mais épico e natural que fugir a uma ratoeira ou veneno - obrigada pela atenção e não voltem, por favor).
Acho curioso o cognome, porque logo ali ao lado do Príncipe Real fica o Largo do Rato.
Toda esta conversa pretendeu provavelmente distrair-vos do facto que na vitrine pasteleira se encontram São-Marcos (os rectângulos recheados de creme branco) - isto é, os que sobreviveram à fúria gulosa do meu acompanhante.
Já eu prefiro outra especialidade desta pastelaria - os Bom Bocado. Se puderem, não percam. Um manjar. Tive de os comer com o olhar, mas não faz mal, esse também precisa de alimento.

3 comments:

quel said...

e eu tenho um olhar guloso.
:-*

Ali la Loca said...

Kanuthya!

Que saudades de você, amiga. Espero que tenha aproveitado bastante as suas férias. Adoraria ver mais fotos se tiver por aí...

A foto do pombo é ótima. Eu não fico com nojo com a idéia de ter um pombo dentro da pastelaria. O que me dá nojo sim é rato dentro de restaurante, ocorrência infeliz que me ocorreu num dos meus (ex) restaurantes prediletos no Rio. Uma ratazana enorme, daquelas de esgoto, saiu de um ralo discreto no chão e começou a escalar a parede do lado da mesa onde eu jantava!!

Agora me tira uma dúvida. O que é um Bom Bocado? Já vi o nome tantas vezes, mas nunca comi.

Carolina said...

EStou a ver que essa visita a Portugal passou muito pelas pastelarias!!!!....
Ó que "gorduchinhos" devem ter regressado!