Friday, October 14, 2005

somos teus filhos, ó mar de estrelas, cuida-nos bem


Powered by Castpost


a noite dos alquimistas

chegam os magos no claro rasto da lua cheia
descem duendes pelos caminhos da Cassiopeia
gnomos e bruxos, génios e divas, tudo e ninguém
abeiram-se os sábios, os feiticeiros que o mundo tem
sentam-se amenas mágicas formas, sombras de alguém

vêm do fundo da paz da terra os sonhadores
guardam em sonhos ocultas memórias os computadores
pedreiros-livres, santos e artistas, tudo e ninguém
sussurram secretas vozes profetas dos temporais
pairam nos ventos estranhos seres como cristais

ó roda viva, ó astro grande de almas gentis
fonte das musas, covil dos homens mais varonis
a gente luta, a gente sofre e ninguém
redime as dores, nossos amores, ódios também
somos teus filhos, ó mar de estrelas
cuida-nos bem



(Fausto Bordalo Dias)

4 comments:

Inês Leitão said...

caSaudades tuas e do teu.
Saudades das conversas e do sabor que ficava na ponta dos dedos depois de obter as respostas certas áquilo que existia dentro em mim e que tu sabias identificar tão sabiamente, Pitia de Paris.

Tenho pensado em ti e em escrever-te cartas longas sentadas no chão .) como fazia do lado de lá.

Feliz por não precisar de respostas...ainda que sempe hajam perguntas.

Bissapa

Carolina said...

Belo canção!
Belo remate para o meu serão!!!
Gosto da voz deste homem!
Gosto das palavras que usa!
Gosto dum homem assim!

Effe said...

[ OT
mi piace molto la tua scrittura.
Vorrei che tu scrivessi, in italiano, su una rivista letteraria online che si chiama "sacripante!"
(http://www.sacripante.it)
Nella rivista c'è una sezione, "Cose dall'Altro Mondo", che raccoglie brevi reportage di blogger da tutto il mondo.
Piccole storie che raccontano quei Paesi lontani.
Se ti piace la rivista, vorrei che tu scrivessi a proposito del Portogallo (anche se sei in Francia).
Se vuoi, rispondimi a questa mail:
redazione@sacripante.it.
Ti aspetto.
saluti
F]

Carolina said...

Buon giorno!
Oh! Oh! É de aproveitar!
"Sacripantas" haverá muitos mas, em italiano escasseiam....