Wednesday, September 28, 2005

vertigem

As personagens que me acompanharam durante poucos meses partiram encaixotadas, sem esperança de existirem para além das páginas. Deixaram-me numa vertigem leve, ainda caminhando num fio de arame, não muito fino, vou ensaiando por ele passos desprovida de sapatos salpicados com pó-de-talco. Lá em baixo há uma rede. Não torna a queda menor, porém.

Algumas ficaram comigo, fazendo-me cócegas quando estou distraída, outras queixando-se do excessivo ou escasso destaque que lhes foi dado. Foi bom ter espreitado para o lado de lá, de forma mais longa do que sempre fiz desde que aprendi o abecê. Obrigada por me terem dado um vislumbre das vossas vidas.

4 comments:

alentejodive said...

Gosto especialmente das fotos que aqui encontrei.

Voltarei, na expectativa de continuar a apreciar .....

Carolina said...

Encaixotadas? Isso significa que devolveu os livros que levou de cá, da casa materna?

kanuthya said...

Não, as minhas :)
As de autorias alheias ficam por cá, ao alcance do braço que se estica para a prateleira, por vezes prolongando leituras para não acabar o stock demasiado rápido :)

Carolina said...

AH!...Esclarecido o caso!